sexta-feira, janeiro 28, 2011

THE LIZARD KING


(love)

terá a floresta de prata fim?

j. morrison, abismos, p. 123

quinta-feira, janeiro 27, 2011

GENIAL...

(deadfix)

simplesmente genial...

*"por vezes, apenas um pequeno detalhe pode destruir muitas crenças"

quarta-feira, janeiro 26, 2011

META -ANIMAL


(new york times - damien hirst)

o trabalho deste artista é simplesmente genial. desde a polémica exposição do "casal morto fodendo duas vezes" até esta onde expõe animais mortos ("impossibilidade fisica da morte na mente de alguém vivo"), tudo se centra nessa dimensão problematizante da morte.

terça-feira, janeiro 25, 2011

segunda-feira, janeiro 24, 2011

DESLUMBRES DO ROSMANINHAL


aconteceu no entardecer frio de sábado, na vastidão das paisagens rosmaninhenses...

*just breath...

sexta-feira, janeiro 21, 2011

IMPRESSIONANTE...

(photoblog.msnbc)

quantas vezes já ouvimos episodios destes, um cão que face à morte do seu amigo se desloca para o cemitério e ali fica intermináveis horas junto da sua sepultura. outros que se perderam e viajam centenas de quilometros para conseguirem chegar à casa do seu amigo. são estas e muitas mais histórias que confirmam que este (o cão) é o verdadeiro amigo, contudo, teimamos em descrer...

a história do "Leão":

aconteceu no brasil, depois da aterradora tragédia das enxurradas, onde morreu a amiga do "Leão", este desloca-se todos os dias para junto da sepultura da sua amiga.





quinta-feira, janeiro 20, 2011

PAISAGENS MINEIRAS

minas da panasqueira, 2010.

paisagens mineiras...

quarta-feira, janeiro 19, 2011

CEMITÉRIOS

cemitério de Ourense, Espanha. 2010.

"o término da vida aqui o veis
o destino da alma segundo obreis"

segunda-feira, janeiro 17, 2011

ARQUITECTURAS TRADICIONAIS

penha garcia, 2010.

uma casa em penha garcia construida com os materiais da proximidade (quartezitos e xistos) e com evidentes vestigios de utilização de singulares tecnicas tradicionais (ex: telhados com uma base em xisto) e que hoje já se tornam dificieis de encontrar, pelo menos nesta zona da raia.


sábado, janeiro 15, 2011

UMA ENIGMÁTICA JANELA PARA IDANHA-A-NOVA

idanha-a-nova, 2010.

são muitas as vezes que abro uma enigmática janela para esta vila encantadora.

quinta-feira, janeiro 13, 2011

CIVILIZAÇÕES PERDIDAS

(ymfy)


fascinante este mistério relacionado com a cultura material (cultual)
de uma civilização perdida.

terça-feira, janeiro 11, 2011

SEGURA, NO INTERIOR DE UMA MINA

minas, Segura, 2011.

entrar no interior da terra e percorrer com a parca luz de uma lanterna estes meandros do desconhecido, sentir esse odor quente tão caracteristico destes lugares, faz parte dessa singular experiência do que é fazer uma etnografia sobre estes lugares subterraneos e dos seus actores. existe todo um conhecimento, um "saber-fazer" técnico associado à exploração dos diversos minérios, nomenclaturas, orientações, cartografias, escolhas, ritmos...que devem, com toda a urgência, ser registados e salvaguardados.

segunda-feira, janeiro 10, 2011

DO CADERNO DE CAMPO...

estou exausto. o dia foi passado em Segura. conhecemos um bom informante que trabalhou nas minas locais. fomos visitar uma mina. entramos dentro da galeria e percorremos o interior até ao final. o dia terminou com o anoitecer.
registamos:

- actores
- lugares
- quotidianos de trabalho
- objectos
- técnicas
- histórias de vida
- memória dos tempos do minério, etc...


segura, 10/01/2011, caderno de campo nº2


ARQUITECTURAS TRADICIONAIS

castelo melhor (foz coa). 2010

embora ruinosa é um documento de extrema importância. veja-se o tamanho desta lage de xisto que sustenta uma das vigas que serve de suporte ao telhado.

MICHEL GIACOMETTI, FILMOGRAFIA Vol 1


inicio aqui um périplo pela reedição (finalmente) de parte da filmografia gravada pelo grande mestre m. giacometti (M.G.) conjuntamente com a equipa de colaboradores neste interessante projecto ("o povo que canta", RTP, 1970). opto assim por dedicar, intermitentemente, um olhar para cada um destes sensacionais volumes editados semanalmente pelo jornal público (coord. paulo lima). no presente volume, para além das respectivas contribuições dos principais "organizadores" da obra, destaco a entrevista editada por adelino gomes a M.G. uns meses antes deste morrer, onde M. G. responde de forma esclarecedora e lúcida a essa tendência genaralizada e redutora de se esboçarem mágicas conjugações a partir de raciocinios pouco ou nada fundamentados e que curiosamente teimam em repetir-se nos dias de hoje, nos mais diversos campos disciplinares. sobre este caso concreto, escreve-se que havia um padre (Alcobia) que tinha formulado uma tese onde argumentava que o canto alentejano ia buscar as suas principais raízes ao canto gregoriano. sobre o qual contrapôs M. G colocando sobre a mesa as multiplas e quase infinitas possibilidades que é necessário contar:

"há a situação geográfica peculiar do país, a miscigenação com árabes e judeus, os Descobrimentos e a fixação de escravos africanos, as relações com várias etnias reunidas sob a coroa de Castela, a sedentarização de tribos ciganas, os movimentos migratórios e, por fim, a intervenção criadora do povo" (p. 32)

assim, fica claro que o discipulo que tenha presente sempre este quadro de análise e prossiga estas mesmas linhas ou directrizes de trabalho e coloque de lado todas as hipoteses redutoras das teses essencialistas que tendem apenas a fragilizar duplamente o raciocinio, encontrará, com toda a certeza, a senda do verdadeiro conhecimento...

sexta-feira, janeiro 07, 2011

VIDA SELVAGEM, INSECTOS

acalodegma vidali macho (coleóptera Cerambycidae)

aconteceu no verão esta espantosa filmagem. depois de ter consultado enciclopedias à procura da decifração da especie penso que dei com o nome certo (?). ficou o fascinio de poder admirar de perto (quase à lupa) este espantoso insecto em plena actividade predatória.

quinta-feira, janeiro 06, 2011

BIBLIOGRAFIAS


um livro urgente. li e reli e fiquei com os apetites de voltar a ler. são estes os verdadeiros livros. aqueles que mantêm connosco uma relação quase esquizofrénica.

...

"nada perece, meu amigo, nada no mundo é destruido; homem hoje, amanhã verme, depois de amanhã mosca, não significará isto existir para sempre?" (p. 20)

quarta-feira, janeiro 05, 2011

ILUSÕES & ILUSIONISTAS



(tumblr)

"tantos deuses quanto paises, tantos cultos quantas cabeças e fantasias"

in dois diálogos entre um padre e um moribundo, marques de sade e nuno judice, p. 18.

terça-feira, janeiro 04, 2011

ON THE ROAD

sliven, bulgária, 2010.

numa rua em sliven (bulgária)...

domingo, janeiro 02, 2011

PEQUENAS VAGABUNDAGENS...


idanha.a.nova, 2010.

foi no último dia do ano que efectuei esta pequena vagabundagem em torno da vila de idanha. aventurei-me nos interiores ferozes dos dominios das águas correntes, tudo era água. ouvi com atenção estes solenes regatos e regressei a casa já com o anoitecer no horinzonte.